Guia para a TDT

Está bem feito, simples e informativo o Guia TDT que a Anacom tem distribuído nas zonas piloto que terão o sinal analógico desligado. Explica até mesmo como será feita a cobertura complementar via satélite, algo que há algumas semanas nem mesmo o serviço de informações disponibilizado pela PT sabia informar como funcionaria.

É uma iniciativa importante, no entanto o material deveria ser distribuído em todo lado. Que tal enviarem o guia junto com a conta de luz ou água, ou então distribuírem em escolas e locais que prestam serviços públicos?

Qual é o motivo para a campanha sobre a TDT ser tão mal difundida? Seria falta de um planeamento estratégico de marketing ou algo deliberado? Dúvidas como esta não deveriam existir. A impressão que fica é que falta vontade política para divulgar de forma adequada informações sobre a implementação da TDT.

De qualquer forma, ao menos a Anacom tem se preocupado em elaborar materiais explicativos.

Baixe aqui o guia (em pdf).

3 responses to “Guia para a TDT

  1. ANACOM vai actuar juridicamente contra Zon

    A ANACOM vai actuar juridicamente contra a Zon por esta operadora tentar vender serviços de televisão paga em Alenquer supostamente para garantir o acesso à Televisão Digital Terrestre (TDT), que entra quinta-feira em funcionamento naquela localidade.
    “Este comportamento é absolutamente inaceitável, porque não é um comportamento ocasional”, disse à agência Lusa Eduardo Cardadeira, administrador da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM).
    De acordo com a mesma fonte, a ANACOM e a ASAE (Autoridade de Segurança Alimentar e Económica) têm desenvolvido acções de fiscalização para verificar o comportamento das operadoras e detectou, assim, alguns quiosques móveis da ZON em Alenquer com cartazes a dizer que, com o desligamento do sinal analógico, só seria possível ver televisão com o serviço pago e anunciando tarifas especiais para Alenquer.
    Os serviços jurídicos da ANACOM estão a analisar os mecanismos jurídicos disponíveis para actuar nestas situações e, segundo Eduardo Cardadeira, “serão usados todos os possíveis”.
    Numa nota de imprensa, a ANACOM critica a actuação da ZON, por estar a induzir em erro as populações, e promete actuar “com firmeza contra este tipo de comportamento.
    “Esta actuação é lesiva dos interesses das pessoas, que terão de suportar o pagamento de produtos e serviços de que não necessitam, já que a televisão digital terrestre é gratuita”, diz o comunicado acrescentado que com a passagem para a TDT as populações podem continuar a ver televisão desde que tenham um televisor compatível com a norma MPG4.
    Fonte, JN.pt

  2. Publiquei um post sobre o assunto. Abs

  3. o guia estar bastamte cláro, vai servir e muito para tirar algumas dúvidas que tenho comigo, obrigado pelo post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s