Uma ameaça à democracia

Prezados amigos e leitores do blog,

Agradeço a todos pelas mensagens que tenho recebido, inclusive de cidadãos comuns que se disponibilizam a ser testemunhas num eventual processo em Tribunal que a Portugal Telecom ameaça interpor contra as conclusões de uma tese académica, desenvolvida no âmbito de um centro de investigação reconhecido internacionalmente pela sua excelência.

Eu gostaria de poder responder a cada um, mas não é possível, diante do grande número de manifestações aqui no blog, no Facebook e via email. Sinto-me confortado, pois estou apenas a fazer o meu trabalho, após verificar a fundo um processo que sacrificou sobretudo os mais pobres e os mais idosos.

Li hoje reportagens que dizem que a PT já impetrou uma ação judicial, no entanto, até o momento, não recebi qualquer intimação. O presidente da empresa refere, segundo a agência Lusa, que eu acusei o grupo de corrupção, o que não é verdade.

O que disse, e reafirmo, é que há indícios de corrupção no processo de implementação da TDT em Portugal e que isto deve ser apurado.

De qualquer forma, em Tribunal as coisas ficarão mais claras e eu faço questão de divulgar cada passo de um eventual processo neste blog.

Interpreto o pronunciamento da PT como uma tentativa de intimidação, algo que me lembra a censura da qual Portugal foi vítima durante muitos anos. É um duro golpe no direito à liberdade de expressão neste país.

Se um dia os intelectuais de uma nação tiverem que exercer suas atividades sob a tutela de grandes grupos económicos, será o fim da democracia.

23 responses to “Uma ameaça à democracia

  1. Seria possível publicar a sua tese? Gostaria muito de a consultar, porque seria o melhor modo de, tanto eu como os restantes interessados, tirarmos as devidas conclusões. Obrigado.

  2. Caro Marco, a publicação da tese cabe à Universidade, que irá disponibilizar o estudo em breve e eu irei publicar aqui o link para que todos possam aceder. Um abraço.

  3. Um muito obrigado pela sua lisura e investigação Professor Denicoli

  4. Basta ir ao Geres ou a Vieira do Minho e ver na casa de cada idoso como ficar isolados sem TV e onde a TDT nao funciona. alem do dificil funcionamento do aparelho ha locais onde apenas dá um canal e sem som

  5. Caro senhor, dentro da coragem que demonstrou, ficou ainda muito por dizer.A maneira como foi realizada toda esta operação foi no minimo asquerosa, digna de um verdadeiro assalto a inteligencia das pessoas.Como é possivel tal mafiosidade ter passado por baixo da mesa!!Só para falar dentro deste assunto existe outra coisa que me cheira muito mal, tem a ver com processo dos descodificadores da TDT, como é que foram vendidos milhares de televisores durante anos com o sistema incorporado em MPG2, e de repente mudam a estratégia e é decido transmitir em MPG4, obrigando milhares de pessoas a comprar descodificadores muito mais caros e de qualidade muito duvidosa.Quando na europa se optava na maioria por MPG2 incluindo a vizinha espanha, estes lordes optaramm por um sistema diferente em portugal.Alguem encheu os bolsos a conta disto, é critalino como a agua, só não ve quem não quer.Termino com votos de coragem, paciencia, não se deixe acagaçar, por polvos de segunda.

  6. Descobri este blog hoje e já o coloquei nos Favoritos no intuito de acompanhar o desenrolar da Novela TDT – Mt. Obrigado ao autor deste blog

  7. Sérgio! Já desde há alguns anos que acompanho o teu blogue e sei da seriedade do teu trabalho. Ontem li a entrevista do Moisés de Lemos Martins à RTP e é o único docente da Universidade do Minho a enfrentar e a dar a cara publicamente pelo teu trabalho.
    É da mais profunda cobardia e atitude lamentável a posição de reitoria da Universidade do Minho retirando-te o tapete e o apoio institucional que te era obviamente devido. Fica-lhes muito mal e soa demasiado a falta de independência, completa permissividade nas pressões exercidas sobre eles, total confusão com o que deve ser o seu real papel para com os seus académicos sejam alunos ou docentes e um atentado à investigação científica em Portugal permitindo a pressão sobre um investigador sem lhe dar qualquer apoio quer institucional quer jurídico.
    É a todos os níveis reprovável que uma reitoria permita o retrocesso ao tempo de outras práticas políticas deixando-se envolver em jogos e guerras comerciais por parte de uma empresa como a PT, deixando antever que a indepêndencia, o rigor e a credibilidade académica da Universidade do Minho saem muitísimo beliscadas nesta sua tomada de posição repito mais uma vez cobarde e indigna de uma Academia que se quer livre, democrática e independente.

  8. @Nelson Cruz, as suas afirmações não devem ser referentes à TDT, pois nela há 4(5) canais e, ou dão todos, ou não dá nenhum. Só dar um é impossível.

    @Paulo silva, se tivéssemos optado pela norma MPEG-2, agora teríamos uma TDT a utilizar uma norma obsoleta. Os países europeus só agora estão a mudar para o MPEG-4 e nós já o temos.

    • Miguel! Ou se sabe realmente do que se fala ou não se fala. Deveríamos sim ter adoptado a norma DVB-T(1) mpeg 2 que é a norma em quase toda a Europa e para a qual milhares de portugueses já tinham televisor preparado e era compatível com a espanhola. Vai ficar obsoleta quando for substituida pela DVB-T2 mpeg 4 que está a avançar dificilmente. Agora a “nossa” TDT é um híbrido e é a DVB-T(1) mpeg 4 quase único em toda a Europa. Até nisso a PT tem mão. Procure saber em que codec funciona o meo… E já agora tente também saber porque é que os descodificadores de satélite TDT são também box´s da meo…
      São de uma inocência! Acho mesmo que o Zeinal vai para o céu de tão santo que é!

      • antenis, não sei qual é o teu problema, para além de não saberes ler. Eu escrevi sobre a TDT. O Meo satélite não é para aqui chamado.
        Para além disso, eu referi-me às normas utilizadas (MPEG-2 vs. MPEG-4) e não ao sistema de transmissão (DVB-T). Uma coisa não tem nada a ver com a outra. O que eu referi como estando a ficar obsoleto é a norma, não o sistema.

  9. Pois, agora vêm escudar-se no “cumprimento rigoroso do caderno de encargos e da legislação em vigor” para justificarem a má cobertura, os inúmeros problemas (que ainda hoje subsistem) e a oportunidade que lhes foi dada de mão-beijada para beneficiarem e serem beneficiados com a introdução da TDT em Portugal.
    Cumpriram sim senhor, mas os mínimos, e ninguém, principalmente a ANACOM, teve tomates para se levantar e dizer “isto assim não está bem, vamos fazer como deve ser”. E porquê? Porque os tem presos. Se isto não é captura do Regulador, não sei o que é.
    A arrogante PT até teve o descaramento de menosprezar esta investigação, chamando-lhe de Tese de Doutoramento entre aspas.

    Estas atitudes da PT e da ANACOM só mostram que “a carapuça lhes serviu”, porque se tivessem agido de boa-fé neste processo todo o que faziam era refutar os teus argumentos e esclarecer eventuais imprecisões contidas na tese. Mas não, querem partir logo para a justiça, o que só te vem dar mais razão.
    Se há coisas que estas duas instituições não têm, no que diz respeito à TDT, são bom nome e reputação, portanto não terão muito que defender em tribunal.

    • Como em cima não tinha sítio respondo-lhe aqui.
      1º Não o conheço de lado nenhum para me tratar por tu.
      2º Antes não saber ler (que é óbvio que não sei) do que não saber interpretar. O meo satélite é para aqui chamado sim. As box´s DTH da TDT vendidas pela PT tinham e ainda têm algumas o logótipo da meo! É claro que tem tudo a ver com o tema que aqui se comenta!
      3º E claro como não sabe interpretar mais uma vez tentou confundir. A norma mpeg2 é a prática em quase toda a Europa e Portugal optou pela norma mpeg 4 ainda dentro do sistema DVB-T um híbrido tal como mencionei.
      Países como a Espanha e a França estão a migrar do DVB-T mpeg 2 para o DVB-T2 mpeg 4 mudando também a norma. Tem tudo a ver uma coisa com a outra. Nenhum país muda de DVB-T mpeg 2 para DVB-T mpeg 4. Não é por ter a norma mpeg 4 que o nosso sistema é mais moderno porque essa norma só se torna realmente eficaz no sistema DVB-T2. Tal como está planeada a nossa TDT mpeg 4 é absolutamente desnecessário e obrigou dezenas de milhares de pessoas que já tinham televisores TDT em mpeg 2 a gastarem dezenas de euros a comprarem na mesma um descodificador à parte.

  10. E será que quando a Anacom for a tribunal vai ter o descaramento de representar-se com o João Confraria ex quadro consultivo da PT?
    Captura? Não… É lá isso agora! E cá estaremos todos atentos ao lugar que o Cardadeiro um dia virá a ocupar no universo de empresas da PT…

  11. Segue meu apoio na luta pela democracia e contra a corrupção.

  12. Rui Gabriel Ramos Cleto

    A propósito das inércias do processo chamo a atenção do seguinte: já repararam quando foi realizada a última atualização das notícias desta página na Internet? este sítio foi criado para divulgar a TDT…
    http://tdt.telecom.pt/noticias/

  13. Outra situação “manhosa” é a interrupção de actualização do número de assinantes de TV por subscrição, nesta página da Anacom:
    http://www.anacom.pt/render.jsp?categoryId=277786#horizontalMenuArea

    É curioso como deixaram de actualizar após o apagão analógico. Mais uma atitude “transparente” da Anacom?

  14. Quero aqui deixar o testemunho que, morando eu num edifício com recepção de TV via satélite (canais livres sem quaisquer encargos), a ANACOM recusou-se a disponibilizar livremente o sinal dos quatro canais via satélite. Assim, hoje é mais fácil para mim ver os canais de televisão do Sudão ou do Afeganistão, que emitem livremente via satélite, que os quatro canais portugueses.

  15. Vivo na freguesia de S. Vitor em Braga, portanto numa zona entre o centro e a UMinho e a TDt que instalei regista constantes interrupções de transmissão na RTP2 e RTP1.

  16. és grande Sérgio, por desmascarar estes parasitas, um exemplo para todos … se precisares de € para te defenderes abre uma conta e concerteza não te irão faltar donativos,… precisando de testemunhas é só pedir.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s